Como lavar biquínis para que as peças durem mais

Por Flávia Ferreira - quarta-feira, novembro 21, 2018

Com as temperaturas subindo, maiôs e biquínis começam a invadir as vitrines por todo o país e você acaba se lembrando daquelas suas peças incríveis do último verão que ficaram na gaveta. Mas será que elas estão em condições de serem usadas novamente? Será que elas foram lavadas e guardadas de forma correta?



Para você saber se está fazendo tudo certinho quando o assunto é lavar e guardar seus biquínis, reunimos neste post algumas dicas para que eles durem mais e te acompanhem por muitos e muitos verões. Confira!

Biquínis: uma paixão nacional


A cada verão as marcas de moda praia se superam e trazem modelos maravilhosos de maiôs e biquínis para todos o tipos de mulheres. E, em 2018 não poderia ser diferente. Poás, mix de estampas, franzidos e babados assimétricos, amarrações inusitadas, modelos com uma pegada esportiva, estampas com cores vibrantes, são as mais fortes tendências de moda.

Porém, não adianta você comprar um biquíni lindo se não souber conservá-lo, não é mesmo? Essas peças, feitas a partir de polímeros e fibras de elastano são delicadas e, para que durem por muitos verões, é preciso tomar alguns cuidados básicos na hora de lavar, secar e guardar.

Como lavar e secar


1. Lave as peças logo após o uso, evite ficar com elas molhadas no corpo. Isso além de danificar o tecido pode causar doenças.

2. Se as peças foram usadas na praia ou rio, retire toda a areia antes de lavá-las.

3. Use água fria e sabão neutro para lavar os biquínis e nunca use água quente, principalmente se você acabou de sair da piscina. O cloro em contato com a água quente danifica o elastano presente no tecido.

4. Não deixe as peças de molho e lave manualmente.

5. E nada de torcer! O correto é espremer com delicadeza para retirar o excesso de água.

6. Seque à sombra seus biquínis para que não fiquem desbotados.

Na hora de guardar


7. Biquínis e maiôs podem ir direto do varal para a gaveta, pois não precisam ser passados a ferro.

8. O ideal é armazená-los em saquinhos de tnt ou organza. Evite os sacos plásticos.

9. Biquínis de bojo devem ser guardados abertos, para que não fiquem deformados.Já os do tipo “cortininha”, devem ser guardados com os nós das costas desfeitos para que não fiquem marcados ou percam a elasticidade.

10. Para evitar confusão, guarde sempre a parte de baixo junto com a parte de cima.

Cuidados extras


11. Evite o contato dos biquínis e maiôs com cremes, óleos, bronzeadores e também com o protetor solar. Esses produtos podem manchar o tecido.

12. Quando estiver na praia ou piscina, tome banhos de água doce com frequência. O sal e o cloro podem danificar o tecido, fazendo com que perca a elasticidade.

Gostou das dicas e já vai começar a colocá-las em prática no próximo dia de praia ou piscina? Mas lembre-se, você sempre pode contar com os serviços de uma lavanderia como a Dry Wash. Aqui você encontra profissionais especializados, prontos para cuidarem direitinho dos seus biquínis e maiôs, fazendo com que eles permaneçam como novos por mais tempo.

  • Compartilhe:

Leia também

0 comentários